Quer Felicidade? Então, viva o mundo humano e desapegue do virtual.

As conexões humanas estáo ficando cada vez mais distantes nesse momento presente atual, as pessoas não abraçam mais, não se olham mais,não percebem mais as coisas no chão ou fora do lugar, e sabia que o celular atua em nosso cérebro na mesma área que atuam a maconha, a nicotina, o craque, se torna um vício que você não consegue ficar sem. Você se torna um viciado em redes sociais e vai ficando cada vez mais distante de conexões humanas.
Eu fui fazer um curso de três dias em São Paulo e me hospedei em um hotel muito famoso que tinha uma fama de que o vaso sanitário era aquecido então eu quis experimentar essa sensação. Assim que cheguei na hora de fazer o cheKin eu toda toda como sou, expansiva, sorridente , me deparei com uma recepcionista cara de paisagem, sem nenhuma expressão de riso ou de boas vindas pra mim. Minhas malas estavam no hall de entrada e ela me indicou um carrinho para eu mesma ajeitar as malas e um cartão da porta do quarto com um número. Senti uma recepção fria e gelada. Chamei o elevador e ao entrar tinham várias pessoas eu disse bom dia e ninguém me respondeu. Alguns me olharam , mas com acenos de cabeça e nenhuma palavra a mais. Eu cheguei toda energizada e logo logo fui contaminada pelo ambiente frio e gelado do hotel, sem nenhuma conexão humana e muito menos calorosa do que cidades do interior.
Entrei no uber cumprimentando o motorista Claudio pelo nome, e ele me acenou mostrando a senha do wifi no carro, e nada mais até chegar no destino do meu curso que já estava combinado na chamada , a falta de conexão entre pessoas estava me inquietando muito pois eu estava me sentindo um peixe fora dágua. E o resultado de tudo isso? No terceiro dia eu já estava igual a todos eles, sem cumprimentar ninguém, e o único calor nesse episódio foi o vaso sanitário que tinha uma temperatura de um corpo humano.
Acho que um novo ser humano está sendo moldado, essa histeria de velocidade de tempo que a internet limita faz com que as pessoas gravem áudios numa pressa e correria já enviando, em vez de conversarem. Enviando o áudio fica sem o direito de réplica e a mensagem é enviada. Hoje em dia fica muito difícil ler uma página de um livro pois a linguagem curta e abreviada das redes sociais chegam mais rapidas. Abreviaram tanto o português que acabaram criando uma nova linguagem entre os grupos.
E o poder da gentileza de ajudar uns aos outros está moldado aos modos modernos do mal mal, mal se olham, mal se tocam, mal se vêem.Você está abarrotada de pacotes e um cai um no chão, mas ninguém viu pra te ajudar, e pra catar um, os outros têm que serem depositados no chão também.
Essa vida é inventada, fomos devorados por uma sociedade que é levada por impulsos a um clik de ”Compre agora”e com o cartão já cadastrado na rede, basta um click e pronto sua mercadoria já se coloca a caminho e você recebe o número da postagem pra fazer o rastreamento. Não precisa nem experimentar pois o site aceita trocas e devolve o dinheiro se você não gostar.
Isso tudo eu fico me questionando é um convite ao isolamento, tem tantas séries na TV pra você assistir que você programa o final de semana ou a noite inteira assistindo séries. E o que mais cresce de empreendedorismo é o delivery, os fast food, que chegam na sua mão sem você ter o prazer de cozinhar e preparar, tempos atuais, tempos modernos.Tempos virtuais.
Conviver com pessoas sempre foi o nosso maior problema e hoje em dia tem gente falando ”eu te amo” pra cachorros, empreender em pets teve um crecimento enorme nos tempos atuais. É mais fácil conviver com cachorros e gatos do que discutir uma relação, fazer um DR tão temível entre os casais nos relacionamentos.
Todo bairro que você anda , com certeza tem uma farmácia pois foi um dos maiores nichos de empreendedorismo no momento atual pois as pessoas isoladas e sem contato humano cada vez mais compram ansioliticos pra amenizar a ansiedade e a solidão.  Remédios pra dormir e anti depressivos são os mais procurados.
Terapeutas, psicólogos e psiquiatras nunca estiveram tão em alta pois o que não encontra no corpo está na alma inquieta e precisando de preenchimento.
A falta de uma vida espiritual e de buscar pelo reino de Deus está ficando cada vez mais elevado os índices são  alarmantes pois sozinho se bastam , as imobiliárias tem nos apartamentos de um só quarto a maior procura. Pois as pessoas estão morando cada vez mais sozinhas e em seus casulos, se bastando pois conviver dá trabalho e exige investimento na relação, então é melhor ficar só.
Precisamos manifestar mais afeto , temos que criar situações que nos tragam de volta para a realidade, ficar só analisando e deixar como está não vai fazer a diferença, quem está me ouvindo ou lendo começe hoje, comece agora mesmo a enxergar mais as pessoas, a abraçar mais quem está do nosso lado, vamos expressar calor humano, preocupar com o outro, sacudir aquele que dorme e acordá-lo pro mundo real, olho no olho, aperto de mão, vamos rir mais, brincar mais, encontrar risos em coisas simples, vamos admirar as paisagens, meditar, olhar as flores e sentir seus perfumes, somos humanos e estamos em obra, em construção e somos curados nos relacionamentos então vamos zelar por eles.
Quer que a felicidade te alcance? Então , enxergue pessoas, cultive relações saudáveis e abrace e beije muito pois o contato físico é fundamental pra se ter uma saúde e uma autoestima curada.Seja mais humano e tire prazer disso. Agora que eu dei a receita abrace quem está do seu lado.

Deixe uma resposta