Não deixe bens, deixe exemplos de coragem, força e fé.

Quando uma pessoa que se diz cristã busca servir a Deus e aos prazeres mundanos ao mesmo tempo, sem nunca ter tido renúncias em prol do Deus que serve, é porque a sua fé ainda não está motivada pelo Espírito Santo. Você acha bonito os cristãos irem à igreja, lerem a bíblia mas fica por isso mesmo.

Você está presente de corpo mas não está envolvido de alma, e coração. A diferença está em seu comportamento diante de um paganismo e ateísmo de quem não tem a nossa fé, chegar a te influenciar. Em vez de mostrar o Cristo que você serve, você fica indiferente porque não quer servir a fé como deve, ainda não chegou no terreno do coração as mensagens de restauração e de libertação de sua vida.

Bobagens, atrasos de vida, veiculando nas mídias sociais um universo de escárnio, um desprezo organizado de forma apropriada para desconstruir a fé. Qual é o sentido de uma vida sem Deus… A vela se consome no altar. Nossa vida se consome diariamente até o último lampejo de fôlego vivente.

O que vemos a nossa volta…irresponsabilidades com os princípios Divinos…com as coisas do alto. A Ele não vemos mas cremos na sua ação benéfica pra nós. Na sua proteção e amparo. Será que estou pronto para o meu encontro definitivo com Deus…

A gente observa nessas estradas diariamente acidentes trágicos e inesperados terminando vidas de jovens cheios de planos e sonhos ainda para viverem, sendo embrulhados em sacos plásticos e caixotes de madeira terminando suas vidas nesse mundo tão inesperadamente.

Eu fico me perguntando; Será que estavam preparados…Será que tem noção de que vão encontrar com Deus…Assim como temos todos os dias a certeza do nascer do pôr do sol e do anoitecer, sabemos que a morte é um fato preciso e nunca sabemos a hora que ela chega, então o que nos cabe é estarmos preparados.

Mas no hoje enquanto temos Espírito em nosso corpo e sopro de vida não cuidamos dele.

Negligenciamos nossa alma e nosso Espirito.

Temos pernas e não andamos pra socorrer os aflitos e os necessitados, temos boca e não profetizamos palavras de encorajamento para um irmão.

Temos fartura e não repartimos o pão.

Temos oportunidades de falar de Jesus para as pessoas e nos calamos pra sermos como os mundanos em que os seus prazeres estão nas baladas, nas bebidas, nas orgias festivas.

Ser espiritual é renunciar a cada momento a carne pra fortalecer o Espírito.

Morrer é tão importante quanto nascer.

E todo dia morre gente e nasce crianças.

A nossa preocupação não deve ser deixar bens e sim deixar exemplos de dignidade e honra que reflitam qual Deus que você servia enquanto estava desfrutando da sua passagem neste planeta.

Pensem nisso…sou Mara Régia Palestrante.

Deixe uma resposta