Apelo aos pais pra cuidarem de suas crias.

Estou perplexa comigo mesma com tudo isso que aconteceu na escola em Suzano, São Paulo. Um jovem de 17 anos e um outro de 25 se reunindo por meses pra maquinar e articular o mal. Fico perplexa por que fico me questionando aonde que está Deus nessas duas famílias? Aonde estão os dez mandamentos que são normas estabelecidas por Deus pras relações humanas. Quem tem temor Divino e amor fraterno não articula o errado hora nenhuma.Matar o próximo, muito menos..

Eu acho que nós devemos assumir nossas culpas por ficarmos omissos e calados em vez de esbravejar esse Deus maravilhoso pra todos os lados pra ver se alcança esses corações angustiados, aflitos e que estão nas trevas da escuridão sórdida e fria dessa sociedade atual.

Os jovens estão encantoados nos quartos em seus mundinhos , cadê os pais? Que não supervisionam que tipo de jogos que os filhos estão jogando? Que tipo de filmes que estão assistindo? Com quem estão conversando? Pais omissos que não sabem nada da vida dos filhos, nem boletins pra assinar procuram mais. Filho amado é filho motivado. Preocupe-se com seus filhos enquanto eles estiverem sobre a sua guarda e sustento e depois que eles sairem de sua casa preocupe-se mais ainda. Do berço ao túmulo deve ser a criação de um filho.

Culpar a escola por causa de bulling também não resolve pois a culpa vai recair novamente nos pais porque não cuidaram da saúde emocional de seus filhos? Como lidar com perdas, com raiva, com tristezas, e como ser resiliente diante do que a vida ofertou de inesperado? Ensine seu filho a levantar diante de uma queda. Ensine seu filho a perdoar quem te ofendeu. Ensine seu filho a ficar calado diante de uma confusão e bater em retirada. Aonde vocês estão pais que não cuidam de suas crias? Aonde vocês estão na mente de seus filhos? Qual lugar vocês ocupam?

Na hora de um desespero seus filhos vão recorrer a quem? Qual é o Deus que vocês servem?

Pais o Deus que vocês servem será o mesmo de seus filhos. Ensine os filhos o caminho que devem andar para que mais tarde dele não se afaste.

Os meninos não mataram porque o porte de arma é liberado pelo governo. Os meninos não mataram porque jogavam jogos violentos. Os meninos não mataram porque a escola foi omissa. Os meninos não mataram porque sofriam bullyng.

Os meninos mataram porque não tinham ninguém que se preocupasse com eles, com seus desejos e anseios, com seus sentimentos e carências, que cuidavam de suas necessidades emocionais, que expressasem toque, abraço, beijo, que os fizessem sentirem-se amados e queridos e importados pra dentro do coração de um alguém.

Os meninos mataram porque suas famílias estão desestruturadas e fracassadas, porque não se educa mais em casa, não se acompanha mais de perto, a tecnologia substiuiu o diálogo, presentes compram limites, direitos e deveres e não há conhecimento e muito menos respeito a Deus Pai.

De tempos em tempos somos surpreendidos por essas atrocidades mundias pra todo lado se tem essas noticias , estamos cansados e perplexos com tanta baboseira e falsas justificativas pra esses atos insanos.

Precisamos parar de omitir e de transferir culpas, a culpa é minha , é sua e é de todos nós!

A violência é o desdobramento de carências afetivas, da necessidade de ser visto e notado, ainda que da pior maneira.”Não somos nada em vida mas vamos morrer como heróis” um dos assassinos deixou escrito no seu caderno de desenhos de armas e mapeamentos planejados.

As armas podem matar, mas o que mais motiva a matar é ser mal amado e sem alma. Sem Deus, apenas um ser vivente que respira.

Pais cuidem de suas crias e não percam eles de vista não importa a idade.

Pais amem seus filhos como Jesus nos amou. Abençoe seu filho faça uma oração pra ele ser blindado de todo o mal.

Deixe uma resposta